Futebol: LASK Linz – Sporting 3-0 (2-0)

Mais um jogo típico Sporting na Europa, não vou dizer que tínhamos o jogo controlado mas num ápice ficamos a perder por 2-0 e um jogador expulso. E se não tivesse sido pelo Maximiano podíamos ter levado uns 5-7 golos.

Já era de esperar que Silas ia mexer no onze com as ausências de Bruno Fernandes, Jérémy Mathieu, Luciano Vietto da lista dos convocados e ao deixar Wendel, Acuña, Luiz Phellype e Idrissa Doumbia no banco dos suplentes, este foi o onze inicial:

O LASK apareceu no jogo de igual forma como em Alvalade, fazendo pressão alta, aos 4 minutos ia conseguindo criar perigo dessa forma mas o Sporting conseguiu evitar o perigo. Aos 8 minutos Rafael Camacho rematou para defesa fácil do guarda-redes. Aos 15 minutos boa jogada do LASK em que criou sensação de perigo num cruzamento e um remate acrobático ao lado.

Aos 23 minutos o LASK marcou num canto, o capitão rodeado por 6 leões subiu mais alto e cabeceou para o 1-0. Aos 28 minutos Jesé Rodríguez teve perto de empatar mas demorou muito tempo e foi desarmado. Aos 34 minutos Renan fez falta como último jogador e cometeu penálti e foi expulso. Maximiano entrou para o lugar do Rodrigo Fernandes. O Maximiano não conseguiu defender o penálti e o 2-0 era um facto. Tudo indicava para mais uma noite de ma memória na Austria. O 2-0 manteve-se até ao intervalo.

Silas equilibrou a equipa ao tirar Jesé Rodríguez e colocar Idrissa Doumbia no meio-campo. Os primeiros minutos foram jogo com um único sentido a da balido Maximiano. Aos 57 minutos Maximiano fez uma boa defesa num remate rasteiro.

Sem dúvida que nesta altura do jogo o Sporting estava mais perto de sofrer o 3.º golo do que reduzir, mal consegui-amos ter bola. No entanto aos 63 minutos Pedro Mendes do nada conseguiu isolar Rafael Camacho mas este não aproveitou e rematou às redes laterais.

Aos 70 minutos grande defesa do Maximiano a evitar mais um golo! Aos 71 minutos entrou Luiz Phellype para o lugar do Miguel Luís. Pouco depois Rosier sofreu uma lesão no braço esquerdo e temeu-se que tivesse que sair e deixar o Sporting com 9 em campo, já que as 3 substituições tinham sido feitas. Mas o lateral-direito continuou em campo. Aos 86 minutos nova grande defesa do Maximiano! O árbitro deu 3 minutos de descontos. O Maximiano voltou a fazer uma boa defesa aos 90+1 minutos. No último pontapé do jogo o Maximiano já não conseguiu evitar o 3-0, mas se não fosse o Maximiano a derrota podia ter sido por muitos mais!

Ficha do jogo: LASK Linz – Sporting 3-0

Estádio: Linzee

Assistência:

Liga dos Europa: 6.ª jornada

Dia: 12 de dezembro

Hora: 17:55

Canal: SportTV 1

Árbitro: William Collum

LASK: Schlager; Wiesinger, Trauner e Filipovi?; Ranftl, Holland, Michorl e Potzmann; Goiginger, Klauss e Frieser.

Suplentes: Gebauer, Pogatetz, Renner, Tetteh, Wostry, Haudum e Raguz.

Sporting: Renan; Rosier, Coates, Ilori e Borja; Rodrigo Fernandes, Miguel Luís e Eduardo; Camacho, Pedro Mendes e Jesé.

Suplentes: Gebauer, Pogatetz, Renner, Tetteh, Wostry, Haudum e Raguz.

1-0 Trauner (23)

2-0 Klauss(38, penálti)

3-0 Raguz (90+3)

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s