Pandemia Covid-19

Nós todos estamos a viver uma experiência nova! Uns de uma maneira e outros de outra forma.

Eu vivo na Suécia, a experiência do vírus Corona, é difícil de comparar como nós cá somos “aconselhados” e como o resto do Mundo está a viver. Ao contrário do resto da Europa, se não me engano, que está em quarentena nós ainda podemos fazer uma vida “normal”.

Temos também ter em conta que eu vivo numa vila e e os conselhos aqui também é um pouco diferente do que por exemplo em Estocolmo. Nós aqui ainda temos toda liberdade, mas dão nos uma responsabilidade enorme ao dizer “se sentires-te doente fica em casa”. Nas cidades maiores aqueles que podem trabalhar desde de casa são aconselhados a faze-lo.

Enquanto que a maioria dos países fecharam as suas fronteiras a Suécia continua aberta. Enquanto que as escolas fecharam pela Europa fora cá só a universidade e o “Gymnasium” fecharam, mas já se começa a ouvir que o “Gymnasium” vão poder voltar à escola. Eu trabalho num infantário, esta área muito dificilmente será fechado para que os país que trabalham por exemplo em hospitais, polícias e outras categorias no total de 12 que são importantes para que o país não pare possam continuar a trabalhar.

Ao que diz respeito ao desporto e em especial ao futebol temos também grandes diferenças só na Suécia. Os clubes de elite viram o campeonato da 1.ª divisão até á 3.ª divisão a serem adiado até fins de maio a meio de junho. Da 4.ª divisão até a 7.ª divisão foi adiado até 1.º de Maio, para começar. Até a semana passada era permitido fazer jogos de treino mas na sexta-feira passada a FHM (DGS) aconselhou cancelar todos tipos de jogos. Treinar sem contato físico é permitido, uma condição difícil para quem pratica futebol. No entanto a federação sueca foi contra os conselhos e permite jogos de treino desde que não se ultrapassar 50 espectadores e que os jogadores equipem-se em casa. Mas pelo menos o distrito aonde eu vivo, Värmland, foi contra a federação sueca e não permite jogos de futebol!

Só mesmo quando ultrapassarmos esta tragédia é que vamos saber quem escolheu o melhor caminho, não digo o caminho certo porque todos os países vão ter vítimas!

É chocante ouvir os números da Itália, Espanha e a situação em França também começa a ser preocupante. Nós cá na Suécia já ultrapassamos a barreira dos 400 mortos, 6830 infetados, 1508 hospitalizados e 374 nos cuidados intensivos.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s